Compartilhe
facebook twitter gplus mail

Os melhores festivais a partir de junho

10/05/2018
O Arena di Verona Opera Festival
O Sónar Barcelona

Se olharmos apenas os festivais de música de grande porte, temos uma lista encorpada com mais de cem eventos no calendário de 2018 (e milhares de atrações). Nick Cave e Lorde no Primavera Sound da cidade do Porto; Orquestra Sinfônica de Montreal, em Salzburgo; a ficção científica inspirando o Burning Man, nos Estados Unidos; grandes óperas na Itália… Em comum, todos obrigatórios. Controle a ansiedade e programe-se.


NOS PRIMAVERA SOUND PORTO
7 a 9 junho
Porto, Portugal

nosprimaverasound.com
Pense em um Primavera Sound enxuto, apenas com o melhor do line up de Barcelona. Na cidade do Porto é assim. Este ano, na sétima edição, o festival continuará menor que o original, no mesmo belo local – o Parque da Cidade do Porto – e para não mais do que 30 mil espectadores nas suas três noites. 

 

SÓNAR BARCELONA
14 a 16 junho
Barcelona, Espanha

sonar.es
Este ano, o Sónar Barcelona está ainda mais especial, comemorando 25 anos. E durante esse tempo, o festival nunca perdeu o foco das suas características iniciais: um evento urbano e de vanguarda. Tão vanguardista, que o projeto Sónar Calling GJ273b já está em atividade, enviando ondas de rádio com músicas criadas especialmente para o Sónar para tentar estabelecer comunicação com uma civilização extraterrestre. 

 

ARENA DI VERONA OPERA FESTIVAL
22 junho a 1 setembro
Verona, Itália

arena.it/arena
Novas encenações de espetáculos atemporais, como Carmen, Aida, Turandot, O Barbeiro de Sevilha e Nabucco estão na programação do festival, que é um dos principais da Europa dedicado à ópera. Neste ano, a dança também conta com um evento que promete ter lugares disputados na Arena di Verona: o popular bailarino italiano Roberto Bolle mostra espetáculo inédito ao lado de convidados especiais. 


BBC PROMS
13 julho a 8 setembro
Londres, Inglaterra

bbc.co.uk/proms
Se comparado a outros festivais, o BBC Proms tem atmosfera muito mais informal – em muitos espetáculos, o público assiste às apresentações em pé – e é o maior em duração. Em 2018, serão oito semanas de concertos durante o verão, tendo como palco principal o Royal Albert Hall, mas também ocupando espaços como museus e parques de Londres. As noites de abertura e encerramento, com apresentações especiais, são as mais disputadas. 


SALZBURG FESTIVAL
20 julho a 30 agosto
Salzburgo, Áustria

salzburgerfestspiele.at
Não é segredo que a Áustria tem um calendário de extrema qualidade dedicado à música
erudita. Em Salzburgo, terra natal de Mozart, o festival da cidade é um dos mais tradicionais do
planeta. A edição de verão terá a Orquestra Sinfônica de Montreal e a Filarmônica de Viena
como destaques, além de uma constelação de astros da música clássica. 


MONTREUX JAZZ FESTIVAL
29 junho a 14 julho
Montreux, Suíça

montreuxjazzfestival.com
Em outros tempos, Montreux fora dedicado apenas ao jazz. Nos últimos 50 anos, os maiores artistas da cena jazzy mundial passaram por seus palcos, incluindo nomes da música brasileira em shows históricos. Hoje, o festival tem duração de duas semanas, abrindo espaço também para gêneros como o blues, world music, pop e até eletrônico. Mas é o jazz que ainda brilha sobre todos os ritmos.


LOLLAPALOOZA CHICAGO
2 a 5 agosto
Chicago, Estados Unidos

lollapalooza.com
Criado em 1991, o Lolla já confirmou edições no Brasil, Argentina, Chile e este ano vai estrear na França. Mas é em Chicago que está o line up mais consistente. Em um festival com a grandiosidade do Lolla, escolher o local de onde ver os shows é fundamental – as áreas chamadas Vip e Plat, cheias de confortos, são recomendadíssimas.


BURNING MAN
26 agosto a 3 setembro
Nevada, Estados Unidos

burningman.org
I, Robot, a obra de ficção científica do escritor Isaac Asimov, é o mote desta edição que vai muito além da música, em uma verdadeira celebração de um estilo de vida. Todo ano a Black Rock City, uma cidade temporária no estado de Nevada, é construída e voltada à arte, autoexpressão e autossuficiência. No line up, nomes da música eletrônica engajados artística e politicamente. 


AMSTERDAM DANCE EVENT
outubro
Amsterdã, Holanda

amsterdam-dance-event.nl
O ADE é a maior conferência (e pista de dança) de música eletrônica do mundo. É aquele tipo de evento pensado para envolver toda a cidade – no caso, a incrível Amsterdã, com seus canais, museus e ruas. Mais de 140 locais são reservados para a extensa programação, que abrange palestras, exposições de arte e cinema, além de muita balada e apresentações ao ar livre. 


Clientes Teresa Perez têm acesso a ingressos com lugares especiais nos concertos e festivais mais concorridos da temporada. Consulte info@teresaperez.com.b

0 Comentário

Comentários com conteúdo impróprio e/ou spam poderão ser removidos.